Clique para ir ao início Universidade de Brasília - UnB
Decanato de Ensino de Graduação - DEG
Secretaria de Administração Acadêmica - SAA
MatrículaWeb
GRADUAÇÃO
  Seja bem-vindo(a).
  Para ter acesso ao menu de Aluno, faça o login.
MatrículaWeb  clique aqui para fazer o login.
 


Período Atual
2017/2


Disciplina - Listagem de Ementa/Programa
Disciplina: 191329 - ANTROPOLOGIA E EDUCACAO
(Ver Oferta)

Graduação

Curso
Oferta
Telefones
Calendário
Mensagem da SAA
Benefícios DAC


Órgão: TEF - Departamento de Teoria e Fundamentos
Código: 191329
Denominação: ANTROPOLOGIA E EDUCACAO
Nível: Graduação
Vigência: 1971/2
Pré-req: Disciplina sem pré-requisitos
Ementa:

ANTROPOLOGIA COMO UMA TRADIÇÃO DE DISCURSOS CIENTIFICOS SOBRE "O OUTRO". AS TRANSFORMAÇÕES SOFRIDAS PELO DISCURSO ANTROPOLÓGICO AO LONGO DO TEMPO, A CRÍTICA AO EVOLUCIONISMO, CENTRADA NA OPOSIÇÃO ENTRE ETNOCENTRISMO E RELATIVISMO CULTURAL. A ESPECIFICIDADE DO DISCURSO ANTROPOLÓGICO SOBRE "O OUTRO" E A TENDÊNCIA A PENSAR O OBJETO NÃO SIMPLESMENTE COMO "O OUTRO", MAS COMO UMA PARTE DO "NÓS" CONSTITUÍDO PELA SOCIEDADE NACIONAL. A QUESTÃO DA MUDANÇA DE PARADIGMA, COM ÊNFASE PARA A COMPLEXIDADE, A TRANSDISCIPLINARIDADE E A EDUCAÇÃO. A NECESSIDADE DE UM PENSAMENTO COMPLEXO; A COGNIÇÃO HUMANA E AS BASES PARA UM NOVO TIPO DE CONHECIMENTO: CIÊNCIA, NATUREZA E TRANSDISCIPLINARIDADE; A MULTIRREFERENCIALIDADE NOS PROCESSOS EDUCATIVOS.

Programa:

1. - A ATITUDE ANTROPOLOGICA

a) A SOCIEDADE FALA DE SI MESMA E CONTRASTIVAMENTE REVELA AS

DEMAIS.

b) O CONCEITO ANTROPOLOGICO DE CULTURA E A NOCAO DE TOTALIDADE

PRINCIPIOS METODOLOGICOS FUNDAMENTAIS.

c) O LEVANTAMENTO DO MATERIAL ETNOGRAFICO - TECNICA E CONDUTA DO

PESQUISADOR PERANTE O "OUTRO".

2. - PERSPECTIVAS ANTROPOLOGICAS DE INTERESSE PARA A EDUCACAO

a) ETNOCENTRISMO E DOMINACAO X RELATIVISMO CULTURAL

b) IDENTIDADE SOCIAL E CULTURA

c) EDUCACAO E FORMAS DE ORGANIZACAO FAMILIAR NO BRASIL

d) A EDUCACAO E ATIVERSIDADE DE CONTEXTOS CULTURAIS - PREVACAO CUL-

TURAL ? CARENCIA CULTURAL ? DIFERENCA CULTURAL ? AS ABORDAGENS

TRADICIONAIS DA ANTROPOLOGIA NO ESTUDO DOS FENOMENOS URBANO E

RURAL.

e) SABER POPULAR E SABER ESCOLAR

f) DIFERENCAS NO CODIGO LINGUISTICO E A DOMINACAO DA NORMA CULTA

g) DESVIO E DIVERGENCIA NA ESCOLA - ALUNOS COM COMPORTAMENTOS CON-

SIDERADOS DESVIANTES E INACEITAVEIS.

h) A "CRIANCA", O "MENOR", O "MENINO DE RUA" - O ESTIGMA PELA LIN-

GUAGEM E O SENTIDO AUTORITARIO DO DISCURSO PEDAGOGICO.

I) A SALA DE AULA COMO UM CAMPO DE PESQUISA ETNOGRAFICA - A ANALISE

RITUAL E SIMBOLICA DA RELACAO PEDAGOGICA.

Bibliografia:

GEERTZ, CLIFFORD RIO DE JANEIRO

A INTERPRETACAO DAS CULTURAS ED. ZAHAR 1978

ZALUAR, ALBA RIO DE JANEIRO

DESCENDANDO MASCARAS SOCIAIS ED. Fco. ALVES 1975

LEVI-STAUSS, CLAUDE PETROPOLIS

AS ESTRUTURAS ELEMENTARES DO PARENTESCO ED. VOZES 1982

VELHO, GILBERTO RIO DE JANEIRO

DESVIO E DIVERGENCIA: UMA CRITICA DA PATOLOGIA ED. ZAHAR 1979

SOCIAL.

LARAIA, ROQUE DE BARROS

O CONCEITO ANTROPOLOGICO DE CULTURA 1985

DURHAN, EUNICE SAO PAULO

A FAMILIA E A VIDA COTIDIANA DA POPULACAO ED. PERSPECTIVA 1984

OPERARIA.

MATTA, ROBERTO DA PETROPOLIS

RELATIVIZANDO ED. VOZES 1981

CHAUI, MARILENA SAO PAULO

O QUE E IDEOLOGIA. COLECAO PRIMEIROS PASSOS ED. BRASILIENSE 1982

CORREA, MARISA ET ALII SAO PAULO

COLCHA DE RETALHOS. ESTUDOS SOBRE A FAMILIA NO ED. BRASILIENSE 1982

BRASIL.

BERGER, PETER ET ALII PETROPOLIS 4a. EDICAO

A CONSTRUCAO SOCIAL DA REALIDADE ED. VOZES 1976

BENJAMIN, WALTER SAO PAULO

REFLEXOES: A CRIANCA, O BRINQUEDO, A EDUCACAO ED. SUMMUS 1984

SOARES, MAGDA 3a. EDICAO

LINGUAGEM E ESCOLA. UMA PERSPECTIVA SOCIAL ED. ATICA 1986

© 2017 CPD - Centro de Informática
UnB - Universidade de Brasília