Clique para ir ao início Universidade de Brasília - UnB
Decanato de Ensino de Graduação - DEG
Secretaria de Administração Acadêmica - SAA
MatrículaWeb
GRADUAÇÃO
  Seja bem-vindo(a).
  Para ter acesso ao menu de Aluno, faça o login.
MatrículaWeb  clique aqui para fazer o login.
 


Período Atual
2019/2


Disciplina - Listagem de Ementa/Programa
Disciplina: 166171 - ESTRUTURA DE CONCRETO ARMADO 1
(Ver Oferta)

Graduação

Curso
Oferta
Telefones
Calendário
Mensagem da SAA
Benefícios DAC


Órgão: ENC - Departamento de Engenharia Civil e Ambiental
Código: 166171
Denominação: ESTRUTURA DE CONCRETO ARMADO 1
Nível: Graduação
Vigência: 1971/2
Pré-req: ENC-166031 MECANICA DOS SOLIDOS 3 E
ENC-166049 TEORIA DAS ESTRUTURAS 1 E
ENC-166146 MAT DE CONSTRUCAO CIVIL 1 OU
ENC-166031 MECANICA DOS SOLIDOS 3 E
ENC-166049 TEORIA DAS ESTRUTURAS 1 E
ENC-169889 MAT CONSTRUCAO CIVIL 1-TEORIA E
ENC-169897 MAT CONST CIVIL 1-EXPERIMENTAL
Ementa:

Introdução. Fundamentos do projeto estrutural em concreto armado. Pilares a compressão centrada. Flexão normal simples de peças de concreto armado. Lajes maciças retangulares de edifícios.

Programa:

Programa:

1 - Introdução: Apresentação da disciplina. Composição do concreto. Formas de associação concreto - aço. Histórico do concreto armado. Vantagens e desvantagens. Normas técnicas.

2 - Fundamentos do Projeto de Estrutura de Concreto Armado: Peças estruturais. Concepção e lançamento estrutural. Segurança estrutural. Estados limites de desempenho. Métodos de cálculo: tensões admissíveis e estados limites. Ações e solicitações. Notações. Valores característicos das resistências e solicitações. Valores de cálculo. Aços para concreto armado. Propriedades do concreto estrutural.

3 - Cálculo de Pilares à Compressão Centrada: Considerações da NB-1 sobre o cálculo de pilaresde edifícios. Cálculo simplificado para compressão centrada. Pilares curtos e medianamente esbeltos. Dimensionamento à compressão centrada. Prescrições de norma: armaduras mínima e máxima; dimensões, espessuras de cobrimento. Armaduras: espaçamento; número e bitola das barras; trespasse. Detalhamento. Quadro de ferro.

4 - Cálculo de Seções à Flexão Pura: Introdução: modos de ruptura de peças à flexão. Hipóteses básicas. Domínios de deformação de seções no estado limite último. Vigas de seção retangular com armadura simples. Vigas de seção retangular com armadura dupla. Dimensionamento de vigas de seção T. Prescrições de normas: armaduras mínima e máxima. Dimensionamento no domínio 2. Espaçamento de barras. Largura mínima. Armaduras adicionais em vigas de seção T.

5 - Cálculo de Peças ao Esforço Cortante: Cisalhamento no estádio 1 e no estádio 2. Modelo de treliça de Morsch. Verificação do concreto da diagonal comprimida. Cálculo da armadura transversal. Prescrições da NB-1. Detalhamento de armaduras. Quadro de ferros.

6 - Cálculo de Lajes Maciças Retangulares: Considerações gerais: Classificação das lajes retangulares e espessuras de lajes. Cargas permanentes. Peso de paredes. Sobrecargas de utilização. Métodos de cálculo de esforços. Lajes armadas em uma direção. Lajes armadas em cruz: método de Marcus. Lajes nas vigas. Dimensionamento das armaduras de lajes. Prescrições de normas. Armadura mínima. Detalhamento de lajes. Quadro de ferros.

Bibliografia:

1. ABNT - "NBR 6118: 2014 Projeto de estruturas de concreto Procedimento (NB-1)".

2. ABNT - "NBR 14931: 2003 Execução de Estruturas de Concreto - Procedimento" .

3. ABNT - "NBR 8681: 2003 Ações e segurança nas estruturas - Procedimento" .

4. ABNT - "NBR 12655: 1996 - Concreto. Preparo, controle e recebimemo".

5. ABNT - "NBR 7480: 1996 - Barras e fios de aço destinados a armaduras

para concreto armado."

6. ABNT - "NBR 8953: 1992 - Concrelo para fins estruturais - Cfassificação por grupos de resisténcia".

7. ABNT - "NBR 6 120: 1980 - Cargas para o cálculo de estruturas de edifícios (NB-5) ".

8. CLíMACO, J.C.T.S. - Estruturas de concreto armado: Fundamentos de projeto, dimensionamento e verificação". Editora UnB, Brasilia, 2". Edição 2008.

9. ARAÚJO, J.M. - "Projeto estrutural de edifícios de concreto armado",

Edit Dunas, R.Grande, 2004.

10. CARVALHO, R.C e FIGUEIREDO FILHO J.R. - "Cálculo e detalhamento

de estruturas usuais de concreto armado - Vol.1", Editora UFSCar, 3a. Edição, 2007.

11. CARVALHO, R.C e PINHEIRO, L.M. - "Cálculo e detalhamento de

estruturas usuais de concreto armado - Vol.2 ", Editora PINI, 2". Edição, 2013.

12. ARAÚJO, J. M. - "Curso de concreto armado", Vol. I a IV, Editora Dunas,

R. Grande, 2003.

13. GIONGO, J.S. - "Concreto armado: projeto estrutural de edifícios", Escola

de Engenharia de São Carlos - USP, S. Carlos, 2007.

14. GIONGO, J.S. - "Concreto armado: introdução e propriedades dos

materiais ", Escola de Engenharia de São Carlos - USP, S. Carlos, 2007.

15. GIONGO, 1.5. - "Concrelo armado: dimensionamento considerando o

estado limile último de elementos estruturais lineares submetidos à ação de momento fletor", Escola de Engenharia de São Carlos - US P, S. Carlos, 2009.

16. FUSCO, P.B. - "Técnicas de armar as estruturas de concreto", Editora Pini, 1995.

17. LEONHARDT, F. e MONNIG, E. - "Construções de concreto", Vol. I a IV, Editora Interciência, 1978.

18. SUSSEKIND, J.C. - "Curso de concreto", Volumes I e 11, Editora Globo.

1980 e 1984

19. ROCHA, A.M. - "Curso prático de concreto armado", VaI. I a IV, Editora

LTC, 1991

© 2019 CPD - Centro de Informática
UnB - Universidade de Brasília