Clique para ir ao início Universidade de Brasília - UnB
Decanato de Ensino de Graduação - DEG
Secretaria de Administração Acadêmica - SAA
MatrículaWeb
GRADUAÇÃO
  Seja bem-vindo(a).
  Para ter acesso ao menu de Aluno, faça o login.
MatrículaWeb  clique aqui para fazer o login.
 


Período Atual
2017/2


Disciplina - Listagem de Ementa/Programa
Disciplina: 136638 - Movimentos Sociais
(Ver Oferta)

Graduação

Curso
Oferta
Telefones
Calendário
Mensagem da SAA
Benefícios DAC


Órgão: SER - Departamento de Serviço Social
Código: 136638
Denominação: Movimentos Sociais
Nível: Graduação
Vigência: 2002/1
Pré-req: Disciplina sem pré-requisitos
Ementa:

As particularidades da formação do capitalismo no Brasil e as classes sociais. Democracia e

Cidadania. Processo de formação dos Movimentos Sociais na dialética singular/particular/universal.

A estrutura fundiária (concentração da propriedade e o processo de reforma agrária), os conflitos e a

luta de classes. Debate sobre os “antigos” e “novos” movimentos sociais. A relação Estado, classes e

movimentos sociais na contemporaneidade brasileira (a relação entre público e privado e a

emergência de espaços públicos nãoestatais). A relação Estado, classes e movimentos sociais na

contemporaneidade brasileira (a relação entre público e privado e a emergência de espaços públicos

não-estatais). Movimentos sociais no Brasil e no DF.

Programa:

2. Programa



OBJETIVOS:·

Delinear o cenário da sociedade contemporânea com suas crises e transformações,Tendo em vista o processo de construção da democracia e da cidadania;·

Apresentar o debate em torno dos conceitos de ação coletiva e movimento social;· Configurar o quadro dos movimentos sociais no Brasil, de modo a desenvolver umenfoque analítico sobre os diferentes projetos coletivos.·

Conhecer o campo de atuação, os discursos e práticas dos novos atores sociais;· Avaliar as experiências das redes de movimentos, tendo em vista os desafios e expectativas futuras.



CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:



I - SOCIEDADE, DEMOCRACIA E CIDADANIA·

A questão Democrática: Impasses e Desafios;·

Cidadania e Processo de Constituição de Sujeitos de Direitos;·

Sociedade Contemporânea: Crises e Transformações



II - AÇÕES COLETIVAS E MOVIMENTOS SOCIAIS·

Conceitos Fundamentais;·

A questão dos Novos Movimentos Sociais;·

Movimentos Sociais no Brasil;



·Movimentos de Trabalhadores Urbanos e Rurais;·

Movimentos de Bairro;·

Movimentos de Mulheres;·

Movimento Negro;·

Movimento de Direitos Humanos;·

Movimento Ecológico;·

Movimento Indígena



.III- NOVOS ATORES, CIDADANIA E ESPAÇOS PÚBLICOS NÃO-ESTATAIS· ONG's, Associativismo de Bairro e Grupos de Mútua-Ajuda;·

Estado: A Experiência do Orçamento Participativo;·

Conselhos e Fóruns Municipais, Estaduais e Nacionais;



IV- REDES DE MOVIMENTOS·

Características Básicas;·

Articulação Local/Global·

Desafios e Perspectivas Futuras;

Bibliografia:

Bibliografia Básica:

COUTINHO, Carlos N. Gramsci: um estudo sobre seu pensamento político. Ed. Campus. Cap. 5:

Teoria Ampliada do Estado. (p.73-88)

ENGELS, F. A origem da família, da propriedade privada e do Estado. Tradução Ciro Mioranza. São

Paulo. Escala Educacional, 2009.

DAGNINO, Evelina. Sociedade Civil, Espaços Públicos e Construção Democrática no Brasil: limites e

possibilidades. In: Sociedade Civil e Espaços Públicos no Brasil. Evelina Dagnino (org.). São Paulo:

Paz e Terra, 2002, pp. 279-301.

DURIGUETTO, M.L. Sociedade civil e democracia: um debate necessário. São Paulo: Cortez, 2007,

pp. 48-67.

________ Ofensiva capital ista, despolitização e politização dos conflitos de classe. In.: Temporalis,

Revista da Associação Brasileira de Ensino e Pesquisa em Serviço Social – ABEPSS – ano VIII, nº

16 – dez. 2009.

LUKÁCS, G. História e Consciência de Classe: estudos sobre a dialética marxista. Tradução: Rodnei

Nascimento; revisão da tradução Kanira Jannini. – São Paulo: Martins Fontes, 2003. (pp. 133 – 148).

MARX, K. e ENGELS, F. Manifesto do Partido Comunista; prólogo de José Paulo Netto. São Paulo:

Cortez, 1998.

PONTES, Reinaldo N. Mediação e Serviço Social: um estudo preliminar sobre a categoria e sua

apropriação pelo serviço social. 2 ed. Ver. – São Paulo: Cortez, 1997. (pp. 76 – 88).

MONTAÑO, C. e DURIGUETTO, M.L. Estado, classe e movimento social. São Paulo: Cortez, 2010. –

(Biblioteca básico de serviço social; v. 5 – p. 98 a 103).

MONTAÑO, Carlos. Terceiro Setor e Questão Social: crítica ao padrão emergente de intervenção

social. São Paulo: Cortez, pp. 270-277, 2002.

TONET, I. Cidadão ou homem livre? In.: Democracia ou Liberdade.

http://www.ivotonet.xpg.com.br/
Projeto Político Pedagógico do Curso de Serviço Social da UnB - Diurno

91

YAZBEK, Mª Carmelita. Terceiro Setor e Despolitização. In.: Revista Inscrita, ano III nº 6. CEFSS,

Brasília, 2000.

Bibliografia Complementar

BEHRING, E. Expressões políticas da crise e as novas configurações do Estado e da sociedade civil.

In.: CFESS/ABEPSS. Serviço Social: direitos sociais e competências profissionais, 2009.

COUTINHO, C.N. Marxismo e Política: a dualidade de poderes e outros ensaios. São Paulo, Cortez,

1994.

DAGNINO, Evelina. Cultura, cidadania e democracia: a transformação dos discursos e práticas na

esquerda latino-americana. In: Cultura e Política nos Movimentos Sociais Latino-Americanos: Novas

Leituras. Sônia Alvarez, Evelina Dagnino e Arturo Escobar (orgs.). Belo Horizonte: Editora da UFMG,

2000, pp. 61-102.

GOHN, Maria da Glória Marcondes. Os sem-terra, ONGs e cidadania: a sociedade civil brasileirana

era da globalização. São Paulo: Cortez, 1997.

GOHN, Maria da Glória. História dos Movimentos e Lutas Sociais: a construção da cidadania dos

brasileiros. São Paulo: Loyola, 1995.

GONH, Maria da Glória. Novas Teorias dos movimentos sociais. São Paulo: Edições Loyola, 2008.

GRAMSCI, A. Cadernos do Cárceres. Ed. Civilização Brasileira. Volumes 01, 02, 03, 04, 05 e 06.

MARX, K. O Capital: crítica da economia política. Livro Primeiro, Vol. I. Tradução Reginaldo

Sant’Anna .24ª ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2006.

MAZZEO, A.C. Estado e burguesia no Brasil: origens da autocracia burguesa. São Paulo, Cortez,

1997.

PORTEELI, H. Gramsci e o bloco histórico; tradução de Angelina Peralva, Rio de Janeiro: Paz e

Terra, 6ª edição, 2002.

SADER, Eder. Quando Novos Personagens Entraram em Cena: experiências e lutas dos

trabalhadores da Grande São Paulo, 1970-80. 2ª ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1988.

SCHERER-WARREN, Ilse. Movimentos Sociais: um ensaio de interpretação sociológica. 3ª ed.

Florianópolis, Editora da UFSC, 1989.

SCHERER-WARREN, Ilse. Redes de Movimentos Sociais. 2ª ed. São Paulo: Loyola, 1996.

STEDILE, JP. (Org.) & DOUGLAS, E. (assistente de pesquisa). A questão agrária no Brasil: o debate

tradicional 1500-1960. 1 ed. - São Paulo: expressão popular, 2005.

WOOD, Ellen M. Democracia contra o capitalismo: a renovação do materialismo histórico. São Paulo:

Boitempo, 2ª edição, 2010.

© 2017 CPD - Centro de Informática
UnB - Universidade de Brasília